9 de jul de 2010

PF potiguar adquire viatura que irá facilitar perícias em locais de crime

Nova viatura já está à  disposição dos policiais federais do RN
Nova viatura j está à disposição dos policiais federais do RNA Polícia Federal no Rio Grande do Norte acaba de adquirir uma caminhonete Mitsubishi L200 customizada que em muito irá facilitar a atividade pericial de campo. Com o novo equipamento, o Setor Técnico-Científico (SETEC) da Superintendência de Natal, vai poder agilizar processos e contribuir para a proteção das provas colhidas no local da ocorrência, fornecendo assim, melhores subsídios a toda e qualquer investigação.

Para facilitar perícias à noite, a caminhonete possui conversor/alimentador de energia de 110 volts, que funciona com o motor ligado e ainda três tomadas 12 volts. Assim, será possível se ligar até três refletores de iluminação, o que antes só era permitido através do isqueiro do veículo, de forma individual.

Um guincho frontal também estará à disposição dos Peritos Federais, funcionando tanto de forma manual, quanto remoto.

Uma outra novidade é o sistema de entrada de ar, tipo snorkel, na lateral, dando condições que o carro possa trafegar em áreas alagadas com cerca de um metro de profundidade.

Dentre outros recursos desse novo modelo, que custou cerca de R$ 380 mil, está a plataforma retrátil de acionamento elétrico na traseira, a qual impulsiona o compartimento para fora do veículo, evitando que o Perito tenha que realizar tal esforço durante o trabalho.

Na adaptação para as necessidades da PF, a empresa Carbe, a mesma que equipou os veículos anti-bomba para os Jogos Pan-Americanos de 2007, utilizou tecnologia alemã para desenvolver o projeto em conjunto com peritos do órgão. Sua estrutura tem capacidade para suportar 60 kg na parte superior e de 250 kg na parte inferior.

Nesse espaço, tem lugar ainda para a estação total, um equipamento que mede ângulos, distâncias e armazena os dados. De posse dessas informações, o perito poderá fazer um croqui do local do crime com as respectivas distâncias, como numa situação de assalto a banco, por exemplo, onde tenha ocorrido tiroteio.

A caminhonete possui ainda equipamentos e produtos para a coleta de vestígios biológicos para serem utilizados em exames de DNA, além de uma sonda paramétrica que possibilitará a verificação dos níveis de poluição e contaminação da água, medição topográfica, material de fotografia e filmagem para registro em locais de crime.

Com a aquisição desse veículo, uma outra facilidade para a perícia da PF é que de agora em diante será possível transportar ao local da ocorrência todo o equipamento necessário de uma só vez, diferentemente do que acontecia até então quando era preciso fazer uma avaliação e escolher o tipo de material que deveria ser empregado.

* Fonte: PF/RN.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.