8 de jul de 2011

SUSPEITOS DE MATAR ESCRIVÃO DA POLÍCIA CIVIL SÃO PRESOS

A Polícia Civil apresentou, durante entrevista coletiva, três homens suspeitos de envolvimento no assassinato do escrivão Sidney Alves Lucas. Ele foi morto após sair de uma agência bancária em março deste ano, na zona Norte de Natal.


Segundo o delegado geral Fábio Rogério, Raphael Bruno Araújo da Silva, o "Raphinha", foi o primeiro a ser preso. Ele foi detido em 2 de junho quando retornava de Brasília (DF). Na bagagem dele, foi encontrada a camisa utilizada no dia do crime e registrada pelas câmeras.

Ele é apontado como a pessoa que alugou o veículo e conduzi-lo na ação criminosa. Contra ele já constam várias passagens na polícia por assaltos. Em seguida, há exatamente um mês, foi preso Luciano de Lira Lucena e com ele foi apreendida a moto que ele pilotava no latrocínio. "Ele foi reconhecido por testemunhas e foi o único a confessar a participação no latrocínio”, informou o delegado geral.

Tarcísio Oliveira da Silva, o “Macaco”, foi preso domingo (3), na zona Norte, após também ser reconhecido por testemunhas de estar na garupa da moto com Luciano. Já a pernambucana Mirian Maciel da Silva, acusada de ser uma das olheiras que ficou no banco acompanhando a movimentação da vítima, está foragida. Ela já responde a vários processos em outros estados e tem mandados de prisão em aberto.

O crime aconteceu no último dia 11 de março desse ano, por volta das 15:00hs, quando a vítima foi assaltada em frente à sua residência, na Praça Garulhos, conjunto Gramoré, na zona Norte, trinta minutos após sacar a quantia de R$ 11.500,00, no Banco do Brasil, situado no supermercado Nordestão do conjunto Santa Catarina.

Click AQUI para visualizar as imagens feitas da vítima e dos suspeitos pelo sistema de câmeras de segurança da Agência Bancária e do estacionamento. Nas legendas que acompanham as fotos, logo abaixo, você tem a descrição dos momentos e pessoas em destaque na sequência do ocorrido.

Fonte: Nominuto.com

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.